Templários

A Ordem do Templo de uma perspectiva histórica.

sexta-feira, setembro 30, 2005

Gerard de Ridefort

Gerard de Ridefort (morto em Outobro de 1189) era Grão Mestre da Ordem do Templo desde 1184 até á sua morte. Era o filho mais novo de um senhor flamengo e, não vendo nenhuma oportunidade para o seu sucessona Europa, junta-se á Segunda Crusada em 1146. Após o insucesso da Crusada, Permanece na Terra Santa ao serviço de Raimundo III de Tripoli. Raimundo promete-lhe Lucia de Botrun, que lhe daria uma parte valiosa de terra no Condado de Tripoli, mas Raimundo quebrou mais tarde a sua promessa quando foi oferecido dinheiro por um comerciante de Pisa. Gerard então deixou o serviço de Raimundo e juntou-se aos Cavaleiros Templários. Ao redor 1183 tornou-se senescal da ordem, e em 1184 é eleito Grão Mestre. Por causa da promessa da união com Lúcia de Botrun, Gerard manteve um ódio contra Raimundo que duraria para toda a sua vida. Em 1186, quando BalduínoV de Jerusalem morreu, Gerard apoiou a facção real da corte num esforço para a sucessão, simplesmente porque Raimundo era o líder do facção baronial. Raimundo opôs-se a ascensão de Gui de Lusignam, mas Gerard e o Templarios deram-lhe o apoio que necessitou para neutralizar a influência de Raimundo. Em 1187 Gerard apreende parte do dinheiro emitido por Henrique II de Inglaterra que iria ser doado á ordem do Templo e aos Cavaleiros Hospitalários. Este dinheiro era parte da penitencia de Henrique para o assassinato de Thomas Becket, e foi suposto para ser gasto no pedido de Henrique. Gerard gasta-o para pagar a mercenários no intuito de defender o Reino de Jerusalém de Saladino.A 1 de Maio, Gerard e menos de 100 Templários atacaram Saladinona Batalha de Cresson; Saladino, entretanto, tinha mais de 5000 homens, e Gerard foi um dos únicos sobreviventes. Em julho do mesmo ano Gerard conduziu os Templários na Batalha de Hattin. Saladino tinha capturado Tiberias e Gui pensava em retomá-la. Raimundo recomendou-o que esperá-se por Saladino, uam vez que estavam num local bem-defendido, se atacassem Saladino teriam que cruzar uma planície aberta e seca ao alcance de Tiberias.Gerard opôs-se , provavelmente porque era Raimundo quem o propunha, e guy foi convencido a continuar a marcha.Gerard foi suportado Reinaldo de Chantillon, um participante da Segunda Crusada décadas antes, e um inimigo de Raimundo. Os cruzados terminaram por ter que se defender na planície contra a cavalaria de Saladino sendo massacrados a 4 de Julho. Raimundo escapa-se mas Gerard,Gui, e Rainaldo foram capturados por Saladino. O resto dos Templarios foi executado mas Gui convenceu Saladino a poupar Gerard e a deixá-lo livre. Saladino joga com as circunstâncias e consegue a cidade de Gaza. Em 1189 Gerard conduziu os Templários contra Saladino no cerco de acre.Desta vez não se salva, morre em batalha ou é capturado e executado por Saladin(não se tem a certeza) a 1 Outubro.

1 Comments:

At 3:36 da tarde, Blogger Vitor Manuel said...

Gostei do blogue. Muita informação sobre um assunto pelo qual me interesso. Vou voltar

 

Enviar um comentário

<< Home