Templários

A Ordem do Templo de uma perspectiva histórica.

quarta-feira, abril 27, 2005


Considerado património mundial pela UNESCO, desde Dezembro de 1983, o Convento da Ordem de Cristo e Castelo Templário, em Tomar, formam um conjunto monumental único no seu género tendo a Igreja octogonal Templária, sido construída a Ocidente e a alcáçova com torre de menagem a Oriente.
A Charola de Tomar baseou-se no tipo de mesquitas sírias, gosto adquirido pelos cavaleiros da Ordem do Templo durante as lides orientais, e por eles aplicada no Ocidente. é um raríssimo santuário da Alta Idade Média que segue o protótipo da Ermida de Omar (Jerusalém), modelo igualmente aplicado nas Capelas de Eunate (Navarra) e Vera Cruz (Segóvia). No princípio do século XVI, a Charola, oratório dos Templários, foi adoptada como capela-mor do novo templo que então se erigiu, o Convento de Cristo.
Nas paredes da Charola subsiste ainda grande série de pinturas sobre madeira, constituídas pelos painéis A Entrada de Jesus em Jerusalém, O Pedido do Centurião, A Ressurreição de Lázaro, A Ressurreição, A Ascensão, O Baptismo de Cristo (incompleto) e possivelmente A Confissão de Santa Rita.

Recentemente na tentativa de restaurar estas imagens foram descobertas outras por debaixo, mais antigas, estando-se num impasse em relação ao que fazer.
 Posted by Hello

3 Comments:

At 11:35 da manhã, Blogger Baphomet said...

espero que em breve publiques tambem a imagem da Charola...é simplesmente fenomenal. Continuação de bom trabalho

 
At 11:45 da manhã, Blogger Templar said...

A imagem da Charola será de facto publicada, apenas estou á procura de uma boa foto para mostrar.

 
At 6:42 da tarde, Blogger weeee said...

è bastante interessante de facto, todo este conjunto arquitectonico, publica ai uma imagem da Charola sim, as pinturas do seu interior sao fenomenais! bom trabalho ca aguardamos

 

Enviar um comentário

<< Home